Programa 5S tem início na Coopercarga

06/06/2018 11:57:07 Por: Jussara Acordi Loguercio

Share

     Implementar práticas para a melhoria do ambiente de trabalho e motivar equipes para a otimização de recursos e organização. Esses são os principais objetivos do Programa 5S da Coopercarga, que teve sua implantação iniciada em maio deste ano.

     Na primeira etapa do programa, as unidades Matriz e filial Concórdia foram orientadas para a prática do 5S. Os próximos passos são os desdobramentos de orientação e prática do programa para todas as filiais da cooperativa.

     No escopo do 5S, cada setor ou filial terá um colaborador “facilitador”, que será capacitado para auditar a prática do programa no ambiente de trabalho por meio de checklist e verificação bimestral. Cada unidade ou área terá um farol para gestão à vista do andamento do programa, podendo acompanhar o desempenho de seu local de trabalho em cada um dos sensos: Seleção, Ordenação, Limpeza, Bem-estar e Autodisciplina.

     Na matriz e filial Concórdia, os facilitadores foram qualificados no dia 09 de maio. No dia 16 foi realizado o Dia D do 5S, no qual todas as áreas destas unidades realizaram na prática os três primeiros sensos do programa: Seleção, Ordenação e Limpeza. E entre os dias 28 de maio e 01 de junho foram realizadas as primeiras verificações nas áreas para análise do andamento do 5S.

     Como resultado dessa primeira etapa, foram descartados 1.107 quilos de resíduos que não são mais utilizados pelas áreas.

 

Saiba mais sobre o 5S

 

     O 5S, que surgiu no Japão nas décadas de 50 e 60 após a Segunda Guerra Mundial, é um programa de gestão de qualidade que visa aperfeiçoar aspectos como organização, limpeza e padronização. Promove a disciplina, através da consciência, e a responsabilidade de TODOS, tornando o ambiente de trabalho mais agradável, seguro e produtivo.

     No seu país de origem, o programa iniciou em meio a uma crise vivida no período pós-guerra, quando indústrias japonesas eram identificadas com muita desorganização e sujeira, sendo necessária uma reestruturação. A denominação 5S se dá devido a 5 palavras de origem japonesa: seiri, seiton, seiso, seiketsu e shitsuke. Cada uma destas palavras busca despertar a atenção para um senso de responsabilidade.

     O programa chegou ao Brasil na década de 90 com a crescente busca de sistemas de gerenciamento mais produtivos. Para ser implantado não foi possível colocar os mesmos termos, pois não existem palavras com os mesmos significados que comecem com a letra "S" em nosso idioma, foi então adotada a palavra “SENSO” na frente de cada conceito, mantendo assim a essência da filosofia 5S.